Notícias



Entrevista: Flávia Lancha (Secretária de Desenvolvimento)


"Queremos uma EXPOAGRO que valorize o nome e a história de Franca (SP)"

 

Incentivo à cafeicultura e a realização de negócios são as novidades do evento




EM SUA VISÃO, QUAL A IMPORTÂNCIA DE UMA EXPOSIÇÃO AGROPECUÁRIA PARA UM MUNICÍPIO?

FLÁVIA LANCHA – Como empresária no ramo da cafeicultura e como Secretária de Desenvolvimento de um município com mais de 300 mil habitantes, considero a realização de uma exposição agropecuária um evento de extrema importância.


E o desenvolvimento está diretamente ligado a isto, já que realização de uma exposição agropecuária proporciona direta e indiretamente a geração de negócios.


Direta, quando avaliamos especificamente a questão agropecuária. Quando analisamos todas as questões envolvidas na criação, o melhoramento genético, a apresentação e o julgamento dos animais em pista, nos torneios leiteiros ou nos leilões. Além disto, quando analisamos também a criação, o melhoramento genético e apresentação dos animais nas inúmeras provas equinas que são realizadas nas exposições.


E, indiretamente, porque a realização de uma exposição agropecuária proporciona reflexos econômicos em vários outros setores da economia local e regional. Movimentam nossos hotéis, restaurantes, lojas comerciais, indústrias de calçados, postos de gasolina, lojas agropecuárias e nos mais diversos serviços profissionais relacionados à pecuária, como médicos veterinários, clínicas veterinárias, técnicos em agropecuária, ferrageadores, tratadores e peões.


Analisando com uma visão mais ampla, uma exposição agropecuária também contribui diretamente para que o nome da cidade seja reconhecido em todo o País. Como é o caso de Franca, onde temos uma exposição forte, respeitada pelos criadores, expositores e associações organizadoras.


Trazer diversão para a população francana também é nosso objetivo. Nosso maior foco com relação à EXPOAGRO é a valorização do expositor, dos animais em exposição, mas também para a população de Franca. Tanto é que nós estamos trazendo eventos interessantes para todos os finais de semana, com o objetivo de que as famílias venham, visitem a EXPOAGRO, com tranquilidade e segurança.

 

GOSTARIA QUE VOCÊ DETALHASSE TODO O TRABALHO DESENVOLVIDO POR SUA EQUIPE DE COLABORADORES NO PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO 48ª EXPOAGRO?

FLÁVIA LANCHA – O trabalho de organizar uma exposição é muito grande e é importante ressaltarmos cada etapa para que a população compreenda. E como a EXPOAGRO possui um nome e uma história poderosíssima em Franca, precisamos valorizar este passado. Para isto, buscando valorizar os expositores e o público visitante, trabalhamos arduamente para planejar todas as etapas.


A EXPOAGRO em Franca é uma realização da Associação dos Produtores Rurais do Paiolzinho em parceria com a Prefeitura de Franca, sendo que a Secretaria de Desenvolvimento é o departamento responsável. Há anos trabalhamos em conjunto e eu considero esta parceria tem sido boa para as duas partes.


O evento compreende um setor responsável pela realização das atividades técnicas agropecuárias e outro setor responsável pela realização de shows artísticos.


Os shows artísticos são de responsabilidade de empresas habilitadas e com expertise neste setor. Para isto, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento iniciou procedimentos licitatórios para a contratação desta empresa.


Infelizmente, não depende do Município escolher este ou aquele artista. São questões legais da licitação. Cabe à empresa decidir isto. Mas temos certeza de que, por ter ofertado o maior valor no processo licitatório, o empresário não vai formar uma grade de shows com artistas desconhecidos.


Como forma de garantir a segurança do público que irá assistir aos shows e dos animais em exposição, que ficam nos pavilhões de bovinos e equinos, eu decidi criar uma “barreira física” (fechamentos) entre as duas áreas. Esta responsabilidade é da empresa que vencer a licitação.


Com relação ao trabalho do setor responsável pelas atividades técnicas, isto começa muito antes ainda. A equipe é responsável pelo contato inicial com as Associações de Criadores, para a homologação e credenciamento oficial. Sem isto, não haveria interesse de criadores e expositores em participar, pois depende desta homologação para garantir a pontuação necessária para o ranking anual, bem como o reconhecimento de possíveis recordes em Torneios Leiteiros.


Posteriormente, a equipe realiza o árduo trabalho de “captar animais”. Sem este convite personalizado e contando com o apoio de profissionais conhecedores da realidade de cada raça, não garantimos o grande número de raças e de animais na EXPOAGRO.


Existe ainda a preocupação com relação a questão estrutural e física do Parque de Exposições “Fernando Costa”. São feitas manutenções, reparos, limpeza, adequações em pintura, para deixar o recinto bonito para recepcionar expositores e público visitante.


Então, posso garantir a população. O trabalho aqui é constante para garantirmos uma boa EXPOAGRO a todos. Mas a exposição começa bem antes para minha equipe.

 

SABEMOS QUE AINDA HÁ ATIVIDADES SENDO PLANEJADAS PELA EQUIPE, MAS VOCÊ PODERIA NOS APRESENTAR INFORMAÇÕES SOBRE O CALENDÁRIO ATIVIDADES TÉCNICAS DESTE ANO?

FLÁVIA LANCHA – Com profissionalismo, a minha equipe da Divisão de Agronegócios organizou um calendário de atividades muito bom para este ano. Contaremos com as tradicionais exposições de animais: como a Copa de Marcha de Muares; os julgamentos oficiais de Cavalos Árabe, Mangalarga e Mangalarga Marchador; dos julgamentos oficiais de Gado Gir Leiteiro e Girolando; do Torneio Leiteiro; as provas de Ranch Sorting, Três Tambores, Team Penning e Hipismo; e a disputadíssima Expocães.


Mas destaco que realizaremos durante a EXPOAGRO dois leilões virtuais, com transmissão via internet, garantindo uma excelente visibilidade para a exposição e para a cidade de Franca (SP) no cenário nacional.


Ressalto, ainda, que minha equipe está trabalhando na montagem de um Ciclo de Palestras envolvendo diversas áreas de interesse do produtor rural da região.


Na cafeicultura, formalizamos uma parceria extremamente positiva com a Fundação Procafé, para ações durante todo o ano. Inclusive, começaremos já no dia 11 de maio, na abertura das atividades técnicas da EXPOAGRO. Sob a coordenação do Engº Agrº Marcelo Jordão, diretor da Fundação do Café da Alta Mogiana, sediada em Franca (SP), realizaremos o “Curso de Atualização em Cafeicultura da Alta Mogiana”. O evento acontecerá aqui no Auditório “Fábio de Salles Meirelles”, durante todo o dia.

 

UM FATOR IMPORTANTE QUE OBSERVAMOS ESTE ANO FORAM AS PARCERIAS CONQUISTADAS. QUAIS SÃO ELAS?

FLÁVIA LANCHA –Uma das preocupações que tivemos para a edição deste ano da EXPOAGRO foi a formalização de parcerias com entidades e empresas principalmente aqui de Franca (SP), como a COCAPEC – Cooperativa dos Cafeicultores e Agropecuaristas de Franca, com a AMSC – Associação dos Produtores de Cafés Especiais da Região da Alta Mogiana e com o Sindicato Rural de Franca.


Fortalecemos, ainda, relações importantes com a SRB – Sociedade Rural Brasileira, Fundação Procafé, FAESP – Federação da Agricultura do Estado de São Paulo e SENAR – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural.


Nossa proposta é iniciar um projeto de fortalecimento da EXPOAGRO como forma de mostrar a importância da agricultura e pecuária de nossa região.

 

MAIS SOBRE A FLÁVIA LANCHA – Flávia Olivito Lancha Alves de Oliveira é Secretária de Desenvolvimento do Município de Franca (SP), responsável pelas pastas econômicas da Agropecuária, Indústria, Comércio, Serviços e Turismo.


Na Labareda Agropecuária, era a diretora comercial, sendo responsável por gerenciar a comercialização de cafés crus, torrado e moído, no mercado interno e externo, além de monitorar e analisar o mercado de café para apoiar as decisões de vendas.


Graduada em letras e com Pós-Graduação em Gestão do Agronegócio e Pós-Graduação em Recursos Humanos, Flávia Lancha é uma empresária séria, determinada e aguerrida em tudo que participa.


Considera-se uma pessoa criativa, alegre, inovadora, persistente, dedicada, muito esforçada e muito ansiosa.


Tanto que transformou a Labareda Agropecuária em um modelo de produção de cafés sustentáveis e de qualidade, com eficiência empresarial, além de seguir todas as normas socioambientais do País. A empresa é certificada internacionalmente pela UTZ Certified e pela Rainforest Alliance, além de exportar para vários países.


Mesma persistência em que pretende gerenciar e implantar projetos que beneficiem os setores econômicos do Município, em especial as atividades agropecuárias.

 

INFORMAÇÕES:

Telefone (16) 3724-7080

Site: www.expoagrodefranca.com.br

Facebook: www.facebook.com/expoagrodefranca

Instagram: www.instagram.com/expoagrodefranca

Flickr: www.flickr.com/photos/149069454@N05/

(LEGENDA: Flávia Lancha, Secretária Municipal de Desenvolvimento - CRÉDITOS: Carlos Arantes Corrêa)



Voltar